22 Out 16

Não gostei

 

Do empate sofrido em casa. Primeiros pontos perdidos em Alvalade neste campeonato - contra o Tondela, por 1-1. Uma equipa que já nos tinha imposto um empate caseiro, por 2-2, na época anterior.

 

Da atitude da equipa. Muita posse de bola (71% ao longo do encontro), muitas tabelinhas, muita lateralização, mas pouca progressão. Velocidade moderada, incapacidade quase total de progressão com eficácia no último terço do terreno. É nestes jogos, com esta atitude frouxa, que os campeonatos se perdem.

 

De Elias. A imagem personificada do desleixo e da apatia da equipa. Sem velocidade, sem capacidade de pressionar, sem conseguir fazer um passe em profundidade, o brasileiro volta a confirmar - pela segunda vez em Alvalade, com presidentes e treinadores diferentes - que não tem categoria para vestir a camisola do Sporting.

 

De André. Jogou pela primeira vez a titular, mas foi de uma ineficácia impressionante. Destacou-se apenas pela quantidade de vezes que caiu para o chão, pedindo faltas. Nada a ver com o espírito leonino. Nada a ver com o espírito de uma equipa que sonha com a conquista do campeonato.

 

De Marvin. Mais uma exibição confrangedora do lateral holandês. Num recuo para Rui Patrício, atirou a bola para além da linha de fundo, provocando um canto. No golo do Tondela, aos 74', deixou Murillo correr sem a menor oposição pela sua ala. Jesus deu-lhe imediata ordem de saída. Já foi tarde.

 

Da insistência de Jorge Jesus em manter Bruno César no banco. O brasileiro, entrando logo a abrir a segunda parte, foi o primeiro a sacudir o jogo, conferindo mais intensidade e agressividade à equipa. Bem melhor do que Elias, que alinhou a titular.

 

Da nossa incapacidade para causar perigo a partir de bolas paradas. Um livre lateral, apontado por Bryan Ruiz, chegou a transformar-se num passe ao guarda-redes. Com delicadeza, não fossem as mãos de Cláudio Ramos ficar a arder.

 

Da ausência de Adrien. A prolongada lesão do nosso capitão faz baixar muito o ritmo e a intensidade da equipa.

 

De mais um golo sofrido. E vão dez à oitava jornada.

 

De mais dois pontos perdidos. Ainda podia ter sido pior: estivemos a segundos de perder outro. Nos últimos quatro jogos, deixámos fugir sete. E há um ano tínhamos mais três.

 

 

Gostei

 

De Gelson Martins. Claramente o melhor em campo, novamente o mais destacado jogador do Sporting - deixando a larga distância quase todos os companheiros. Destacou-se logo ao minuto 4, rematando ao poste após uma brilhante incursão pela ala direita. E foi dele a assistência para o golo de Campbell, no minuto final. Fez tudo para merecer a vitória.

 

De Coates. Grande exibição do internacional uruguaio, que não se limitou a defender com solidez e precisão: conduziu vários lances de ataque, com a bola bem dominada, suscitando justos aplausos das bancadas. Tentou o golo na sequência de um canto, aos 86', mas o cabeceamento saiu por cima da baliza.

 

Da estreia de Castaignos. Finalmente o reforço holandês foi lançado por Jesus. Iam já decorridos 61 minutos, mas ainda houve tempo para ver um ou outro pormenor positivo deste avançado. De qualquer modo, ainda é cedo para tirar conclusões.

 

De Campbell. Vinte minutos em campo, a sua melhor exibição até agora com a camisola verde e branca. Exibição saldada com o golo do empate, numa jogada bem urdida que começou com um passe longo de William, prosseguiu com uma boa recepção de cabeça de Coates a servir Gelson e com este a colocar a bola na grande área - assistência que foi quase meio golo. O internacional costarriquenho evitou o mal maior em Alvalade.

 

Da apresentação de Nelson Évora como novo atleta do Sporting. O campeão olímpico de triplo salto, reforço do atletismo leonino, foi apresentado de verde e branco ao intervalo, recebendo merecida ovação. Tal como sucedeu ao brasileiro André Cruz, um dos heróis da nossa campanha de 2001/2002 que hoje esteve presente em Alvalade.


comentar
57 comentários:
De ALuís a 22 de Outubro de 2016 às 21:11
Assim não.
Assim fica difícil "acarditar".
AL


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:18
Difícil, sim. Cada vez mais difícil.


De Implacável a 22 de Outubro de 2016 às 21:48
Pois é Pedro Correia!
Eu ainda me lembro perfeitamente dos insultos - porque nem só palavrões são insultos - que me dirigiu quando aqui vim, no final da vergonha em Guimarães, avisar que esta época ameaçava o descalabro.
BdC cometeu um INACREDITÁVEL erro ao contratar jj. De borla ele seria RUINOSO para o SCP. Imagine a pagar o salário pornográfico que ele aufere.
BdC estava a ir lindamente mas aquele acto tresloucado acabou com o reinado dele e terá consequências imprevisíveis para o SCP.
O beifica será 8 ou 9 vezes seguidas campeão...


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:57
Está enganado. Eu nunca insulto ninguém: o insulto é a arma dos fracos.
A propósito, verifico que veio aqui uma vez mais insultar Jorge Jesus e Bruno de Carvalho.


De Implacável a 22 de Outubro de 2016 às 22:03
Vejo que o Pedro Correia não tem cura!
Não sou eu quem insulta JJ e BdC mas sim estes, através da VERGONHOSA campanha da equipa esta temporada que culminou, hoje, com o segundo empate consecutivo (e em casa) do SCP contra o Tondela, que insultam TODOS os Sportinguistas...
A sua devoção a BdC e tudo o que ele faz, não altera a realidade.
Sim, voltámos a não ganhar! Já reparou?


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 22:11
Já reparei. E não precisei de insultar ninguém para isso. Nem de me pôr aos gritos.


De Implacável a 22 de Outubro de 2016 às 23:11
A sua noção de insulto é como a sua mentalidade ganhadora, andam pelas ruas da amargura...


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 23:15
Parabéns. Conseguiu fazer um comentário sem insultar ninguém.


De Implacável a 23 de Outubro de 2016 às 17:01
Não se cure, não...


De Pedro Correia a 23 de Outubro de 2016 às 17:14
Cuidado com as recaídas. Está quase a ter uma.


De VideoVasco a 22 de Outubro de 2016 às 21:12
Penso que quem contratou os "reforços" (flops) devia ser julgado por gestão danosa. Então contratar de novo um flop de nome Elias, quando foi das decisões mais danosas do passado, é duplamente gestão danosa. O único reforço com algum nível custou 12M€. Tudo o resto, todos juntos não fazem um. E ainda bem.

Aumentar para 7,5M€/ano um treinador que não consegue ganhar um jogo depois de jogos a meio da semana, e que por cerca de 15M€ que já custou até agora, ganha uma supertaça, também pode ser considerado gestão danosa.

Mas tudo está bem, porque agora com o Nelson Évora que está na plenitude das suas capacidades, isto vai ao sítio. Pelo menos campeões nacionais de triplo salto devem ser de certeza!


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:21
Grande Nelson Évora. Fica tão bem de verde e branco.


De Pedro Almeida a 22 de Outubro de 2016 às 21:49
Mais um título olímpico para o rol do clube.
Parabéns.



De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:54
Quem conseguiu em 1984 a primeira medalha de ouro portuguesa nuns jogos olímpicos, com um inesquecível desempenho de um atleta do Sporting, não precisa de se pendurar nas medalhas alcançadas por outros.


De Implacável a 22 de Outubro de 2016 às 21:51
É natural o Nelson Évora querer ir para um clube de Gente, um clube do primeiro mundo, um clube VERDADEIRAMENTE GRANDE...


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:53
Via-se bem na cara dele como se sente feliz, agora integrado na maior potência do atletismo nacional.


De Tales de Mileto a 22 de Outubro de 2016 às 22:02
Não tens vergonha??? Amanhã virá o seu presidente BdC e o Saraiva escreverem uns posts a dizer que o Nelson Evora é isto e aquilo, que o Benfica não presta e que merece descer a segunda divisão. Mas porras! Eu nao quero saber dos lampiões, quero é que o meu sporting ganhe.


De Pedro Correia a 23 de Outubro de 2016 às 00:53
És do Sporting ou és de Mileto? Organiza-te, pá.


De david a 23 de Outubro de 2016 às 00:16
Talvez feliz pelo lado da carteira...


De Pedro Correia a 23 de Outubro de 2016 às 00:54
Feliz por estar no local certo da Segunda Circular.


De plinio a 22 de Outubro de 2016 às 21:13
Do que gostei...de nada. Do que não gostei...de tudo. Peço desculpa mas não é gozo é desilusão.

























De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:19
Não sejamos injustos para o Gelson Martins e o Coates, que tudo fizeram para a equipa conseguir os três pontos. Talvez os únicos, na verdade.


De plinio a 22 de Outubro de 2016 às 21:26
Caro Pedro Correia, correcto. Mas duas andorinhas não fazem a primavera pensoeudeque. Um macallan vai bem agora sim.

































De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:35
Vai, sim. Onde anda o ROC, agora que precisamos dos préstimos dele?


De Simong2 a 22 de Outubro de 2016 às 21:16
Gabo-lhe o sangue frio, caro Pedro Correia, para fazer análises a jogadores de uma equipa que não jogou nada. Um ou dois jogadores, ou mesmo três, mas isso não chega. Hoje, creio que até o W. Carvalho jogou a passo. E as bolas perdidas, seja em despique directo, seja por maus passes, continua a ser uma constante nos nossos jogos.
Não sei o que é que se passa, sei que (parafraseando-o) os dirigentes do Sporting têm de começar a pensar na próxima época. É que não jogámos com qualquer equipa: jogámos contra o penúltimo da classificação!
Boa noite e vamos tomar um whisky com kompensan.


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:20
Há um ano tínhamos mais três pontos... estou a precisar de um kompensan também. Ou dois.


De Simong2 a 22 de Outubro de 2016 às 21:24
...ou dois! Ao menos temos t*** para o assumir!


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:34
Já tomei.
Espero que façam efeito rápido.


De JMC a 22 de Outubro de 2016 às 21:30
Hoje o Sporting ganhou um ponto e o Tondela perdeu dois.
Ai Jesus!...


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:33
Desta vez tenho de concordar consigo.


De pedro a 22 de Outubro de 2016 às 21:30
ola sou do benfica,e dame um certo gozo ver o sporting perder pontos,eu sempre tive e tenho respeito pelo SPORTING,afinal sem existir rivalidades,nao haveria melhor futebol,mas o sporting fez muito mal em contratar o jesus,e o bruninho gosta muito de falar muito.
Vamos recuar uns anos atrás,1 ano no benfica foi campeao,no segundo vejam o que aconteceu,o jesus e so um treinador para ficar um ano numa equipa,pois no ano a seguir jogadores perdem a motivaçao.
Nao vale a pena vir culpar arbitos,vir falar do benfica(nao sao santos) se no clube ha problemas maior,ha coisas no benfica que tambem preocupam,como negocios a roberto,porque no fim sabem o que acontecem,quem fez a merda vai embora mas depois quem é o verdadeiro adepto e que sofre. Abram os olhos sportinguistas.
abraço


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:36
Certo. Sem rivalidade não haveria futebol.


De Anónimo a 22 de Outubro de 2016 às 21:35
E se batem a clausula do Gelson??


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:57
Se batem, ele vai: é assim a lei da oferta e da procura.
Bem fez o presidente do Sporting em elevar-lhe a cláusula para 60 milhões.


De António Costa a 22 de Outubro de 2016 às 21:36
Tiveram muita sorte do jogo ter prolongamento, senão...


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 21:51
A mesma sorte que vocês tiveram frente ao 1.º Dezembro, essa grande potência do futebol nacional.


De António Costa a 22 de Outubro de 2016 às 22:03
A grande (im)potencia do futebol nacional jogou hoje em Alvalade.
Quanto ao prolongamento, só posso dizer:
1. há dias alguém deste blogue cuspiu para o ar, hoje caiu-lhe em cima com estrondo...
2. no jogo da semana passada havia prolongamento, no de hoje não...


De Pedro Correia a 22 de Outubro de 2016 às 22:14
No jogo da semana passada, não houve qualquer motivo para os 6 minutos de prolongamento.
Neste houve.
Aliás até houve para mais. Seis minutos foi pouco: só o guarda-redes do Tondela esteve dois minutos e tal estendido no chão.


De António Costa a 22 de Outubro de 2016 às 22:33
«só o guarda-redes do Tondela esteve dois minutos e tal estendido no chão»
Tal e qual na semana passada o guarda-redes do 1 de Dezembro.
A diferença está nos olhos de quem só vê o que lhe interessa...

PS: na segunda parte do jogo da semana passada, contando lesões e substituições, o jogo este parado 7 minutos. Se o árbitro deu 6 minutos de descontos, ainda ficou a faltar um.


De Pedro Correia a 23 de Outubro de 2016 às 00:56
Neste jogo houve 42 faltas. Repito: quarenta e duas. O tempo extra só começou a contar aos 91' e 45'' porque o jogo chegou aos 90 minutos parado para assistir um jogador do Tondela estendido na relva.
Depois houve o golo.
O árbitro não contabilizou nada disso. O jogo devia ter-se prolongado mais oito minutos após os 90.


De Anónimo a 22 de Outubro de 2016 às 21:49
Pedro pedreiro(benfiquista), espera o trem, espera a morte que não vem...Chico Buarque.
Dentro de alguns anos o campeonato será disputado pelas equipes A,B,C do Benfica e do Porto, será a competição entre a fruta e o pó de talco. O vencedor ganhará um .....camião.


De atitopoteu a 22 de Outubro de 2016 às 23:29
ó Chico Buarque...olha que não...nem era Pedro...nem Pedreiro... era Chico...como tu...Stromp...e alucinado foi...ele que abraçou o trem.

são os "loucos de Lisboa que nos fazem duvidar, se a Terra gira ao contrário, e os rios nascem no mar".


De Pedro Correia a 23 de Outubro de 2016 às 00:56
Sintam-se à vontade a cantarolar por aqui. Façam de conta que a casa é vossa.


De Edmundo Gonçalves a 22 de Outubro de 2016 às 22:23
Gostei: Do intervalo.
Não gostei: Dos assobios e vaias.
Ah! A bifana também não estava má.


De Pedro Correia a 23 de Outubro de 2016 às 00:58
Comigo não houve bifana. Só uma canjinha, há bocado.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Hoje giro eu - o Rei vai ...

Vamos ter saudades dele

Porque hoje é Quarta-feir...

Leitura recomendada

A frase

Balanço dos 3 primeiros j...

Catorze passarinhos e um ...

Poucos se salvaram numa e...

Hoje giro eu - Equipa da ...

Na Mouche?

Facebook
És a Nossa Fé no Facebook
Twitter
És a Nossa Fé no Twitter
Arquivo

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

selecção

leoas

bruno de carvalho

prognósticos

jorge jesus

balanço

slb

há um ano

vitórias

campeonato

jogadores

benfica

eleições

rescaldo

arbitragem

mundial 2014

taça de portugal

golos

nós

ler os outros

liga europa

godinho lopes

futebol

árbitros

clássicos

euro 2016

comentadores

cristiano ronaldo

scp

formação

humor

análise

crise

chavões

liga dos campeões

derrotas

william carvalho

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
142 comentários
138 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds