06 Jan 16

Gostei

 

Da goleada em Seúbal. A nossa maior da temporada até ao momento: derrotámos a turma sadina por 6-0 (golos aos 18', 41', 52', 58', 60' e 85'). Superando a vitória por 5-1 ao Guimarães.

 

Da excelente exibição leonina. Estivemos muito perto da perfeição. Em combatividade, criatividade, manobra táctica e qualidade técnica. Domínio absoluto num estádio que costuma ser difícil para as equipas visitantes.

 

Da estreia de Bruno César.  O nosso mais recente reforço fez jus à alcunha por que é conhecido: Chuta Chuta. Nesta estreia de Leão ao peito marcou dois golos e fez assistência para outro. Não podia ter esperado melhor.

 

De Slimani. Voltou a marcar mais dois golos. Já soma 12 no campeonato e 16 no conjunto das competições desta época - a sua melhor marca em três temporadas no Sporting. Há dois anos fez 10, na época passada fez 15. Esteve quase a marcar um terceiro hoje, aos 73'. E nunca baixou os braços, como já nos habituou.

 

De João Mário. Uma exibição sem mácula - a melhor da nossa equipa esta noite no Bonfim. Marcou o melhor golo, o quarto, participou na construção do terceiro e serviu Aquilani para o sexto. Com a capacidade técnica que todos lhe reconhecemos, foi um elemento essencial na edificação desta vitória. E chegou a ser aplaudido pelos próprios adeptos da equipa da casa.

 

De Bryan Ruiz. Um artista que dá gosto ver jogar. Combina cada vez melhor com os colegas, sobretudo Slimani - como hoje ficou bem evidente. Com a sua inegável qualidade de passe, serviu de forma soberba o argelino para o seu segundo golo.

 

De Adrien. Outra exibição superlativa. Atravessa a melhor época de sempre no Sporting: intervém em todos os lances, alargando e prolongando a frente de ataque. Com uma excelente visão de jogo, foi a ele a iniciar a construção do nosso golo inaugural, lançando muito bem João Mário pelo flanco esquerdo.

 

Da nossa capacidade de luta. Mesmo a ganharmos por cinco bolas de diferença, nunca baixámos os braços nem abdicámos da vocação atacante. Sem acusar o menor desgaste pelo desafio de há quatro dias em Alvalade contra o FC Porto.

 

Da nossa organização colectiva. Apesar dos excelentes valores individuais, o Sporting brilhou sobretudo no plano colectivo. Com lances ao primeiro toque, desmarcações constantes, tabelas sucessivas, perfeita circulação de bola.

 

Do nosso bloco defensivo. Temos o melhor registo da Liga 2015/16: apenas sete golos sofridos em 16 jogos.

 

Da actuação do árbitro. Jorge Ferreira contribuiu para a qualidade do espectáculo deixando jogar num desafio que foi sempre aberto. E conseguiu um prodígio para os maus hábitos do futebol português: o jogo chegou ao fim sem que ele exibisse um só cartão.

 

De ver o Sporting cada vez mais primeiro. Reforçámos a liderança devido ao empate caseiro do FC Porto frente ao Rio Ave. Levamos agora um avanço de quatro pontos.

 

 

Não gostei

 

Do equipamento alternativo. Confesso não morrer de amores por ver o nosso Sporting jogar com camisolas que quase me fazem lembrar as da Académica.

 

Do terreno empapado. Ainda assim não teve reflexos na qualidade do jogo.


comentar
10 comentários:
De Pedro Tarquinio a 7 de Janeiro de 2016 às 01:13
Gostei do topo sul cheio de Sportinguistas que deram forte apoio!


De Pedro Correia a 7 de Janeiro de 2016 às 10:35
Bem observado. Foi um entusiástico e caloroso apoio.


De Edmundo Gonçalves a 7 de Janeiro de 2016 às 08:55
Pedro, duas ou três notas:
- William voltou!
- Temos finalmente um "gajo" que remata de fora da área e de primeira (até contagiou o João Mário)
- O Suk, que afinal parece que não vai para o Porto, segundo Fernando Oliveira, ontem jogou contra um grande. Vestiu um equipamento giro, verde...

Mais uma, de rodapé: o equipamento até traiu William, que acabou fazendo um passe para Jesus, pensando que era um colega. Mas eu confesso que depois do roxo...


De Pedro Correia a 7 de Janeiro de 2016 às 10:37
Um dos melhores factos do jogo de ontem, Edmundo, foi três dos seis golos terem sido marcados de meia-distância. Precisamente uma das lacunas que há muito apontávamos à nossa equipa.


De João Caetano Dias a 7 de Janeiro de 2016 às 10:07
Só um pequeno desacordo: para mim o melhor golo foi o terceiro.


De Pedro Correia a 7 de Janeiro de 2016 às 10:35
Admito que sim, João. Mas prefiro o golo do João Mário, fruto de um belíssimo trabalho individual a coroar uma prodigiosa exibição em campo. Foi tudo bom: a preparação, a colocação, a força do remate - e até a humildade do jogador que recusou festejar o golo num estádio onde já tinha sido feliz.


De Jorge Sousa a 7 de Janeiro de 2016 às 20:34
Mas que fabulosa jogatana que o nosso Sporting fez em Setúbal! Dominio avassalador, a nivel tatico, a nivel tecnico, a nivel estatístico, etc etc. Confesso que pensei durante os primeiros minutos, no único período em que houve um ligeiro equilíbrio, este Bruno César parece-me desenquadrado da equipa... Como estava enganado... Uma estreia de sonho, com dois golos de belo efeito e uma assistência! Slimani continua a faturar, o meio-campo é um regalo ver jogar e a defesa tem sido de betão. Ficou provado neste jogo que contra equipas que jogam abertas somos sempre muito superiores, Porto, Benfica, Setúbal. ... Só nos param com autocarros e por vezes duplos. Aí entrará em cena por exemplo o Chuta Chuta!

Resumindo, correu tudo às mil maravilhas, inclusive com o empate do Porto.

Melhor jogador do Sporting: Bruno César

Boas Notícias: a capacidade concretizadora, a defesa de betão e a integração fantástica de Bruno César

Más noticias: a guerrilha verbal entre JJ e RV. O nivel está a baixar e como diria o Diácono Remédios: " Oh meus amigozzzzz...Não havia nexexidade..."


De Pedro Correia a 7 de Janeiro de 2016 às 23:15
Foi talvez o melhor jogo do campeonato nacional do Sporting dos últimos cinco ou seis anos. Extraordinário.


De Orlando a 8 de Janeiro de 2016 às 01:16
Pedro, grande jogo da nossa equipa! Se não foi perfeito andou lá muito perto. É de ficar de papinho cheio de contentamento ver a equipa jogar assim. Para além dos pormenores individuais de João Mário, Bryan Ruiz, Adrien Silva, Bruno César e do instinto matador de Slimani, o que se destaca ainda mais é o jogo coletivo, com jogadas ao primeiro toque ou quase, com a bola a passar por meia equipa, onde cada um sabe muito bem qual a sua função e papel a desempenhar, com uma ideia de jogo extraordinariamente bem definida, mesmo quando mudam alguns dos protagonistas. É aqui precisamente que se nota de forma clara e inequívoca, o dedo do atual treinador leonino.
Temos motivos para nos sentirmos felizes e até algo eufóricos sim, ainda que tenhamos consciência que ainda há muito campeonato pela frente e muita água a passar por baixo da ponte. Mas esta alegria, esperança e fé ninguém nos pode tirar, assim como o imenso orgulho de sermos adeptos do nosso grande SCP.

FORÇA SPORTING!!!
SL


De Pedro Correia a 10 de Janeiro de 2016 às 18:02
Caro Orlando, sublinho estas suas palavras: "Esta alegria, esperança e fé ninguém nos pode tirar, assim como o imenso orgulho de sermos adeptos do nosso grande SCP."
É assim mesmo.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Frases eternas (2)

Postal aos nossos jogador...

O berço do campeonato

Mais do que desporto

Frases eternas (1)

Leoas às sextas

Ética - a morosidade da (...

A voz do leitor

264 visualizações por hor...

A primeira de muitas....

Facebook
És a Nossa Fé no Facebook
Twitter
És a Nossa Fé no Twitter
Arquivo

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

selecção

leoas

bruno de carvalho

prognósticos

jorge jesus

balanço

slb

há um ano

vitórias

campeonato

jogadores

benfica

eleições

rescaldo

arbitragem

mundial 2014

taça de portugal

nós

golos

ler os outros

liga europa

godinho lopes

futebol

árbitros

clássicos

euro 2016

comentadores

cristiano ronaldo

scp

formação

humor

análise

crise

chavões

liga dos campeões

derrotas

william carvalho

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
142 comentários
138 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds