21 Set 15

Gostei

 

Da vitória.  Foi arrancada a ferros, mas soube bem. Até por ter sido o nosso primeiro triunfo em casa neste campeonato.

 

De ter sido o nosso terceiro jogo consecutivo a vencer. Demos 3-1 à Académica, ganhámos 2-1 ao Rio Ave e agora 1-0 ao Nacional.

 

De não termos sofrido nenhum golo. Foi a primeira vez que tivemos a baliza inviolável ao fim de sete encontros.

 

De Gelson Martins. Jorge Jesus apostou nele como substituto de Carrillo. E fez bem: actuação muito positiva do nosso jovem ala direito, fruto da formação leonina.

 

De Montero. Saiu do banco aos 54' e revelou-se bem melhor do que o seu compatriota Teo Gutiérrez, titular da posição. Foi ele a desatar um nó que parecia cego, quase ao cair do pano. Decisivo como nenhum outro nesta partida. Por isso, voto nele como o melhor em campo.

 

Da forma como o treinador mexeu na equipa. Jesus fez entrar Carlos Mané e Montero para imprimir dinâmica ao nosso onze, que parecia muito apático. Aposta ganha: foi do banco que surgiu a reviravolta no marcador.

 

Da nossa classificação. Continuamos no topo da tabela, com 13 pontos, em igualdade com o FC Porto. Até agora tudo bem.

 

 

Não gostei

 

Da falta de velocidade dos nossos jogadores. Jogámos em superioridade numérica durante uma hora e fomos incapazes de aproveitar melhor essa vantagem.

 

Do festival de passes falhados. Há muito tempo que não via tantas jogadas desperdiçadas, sobretudo nos últimos 20 metros do terreno.

 

Do excesso de adornos. Em grande parte do encontro havia sempre um toque a mais, um drible a mais. Falta de objectividade que poucos jogadores combateram.

 

De Teo Gutiérrez e Bryan Ruiz. Dois reforços que tardam em demonstrar no Sporting a qualidade que lhes reconhecemos ao serviço das selecções dos seus países.

 

Que o nosso golo só surgisse aos 86'. Tivemos muita posse de bola que raras vezes se traduziu em lances de perigo.


comentar
24 comentários:
De ólhocisconoolho a 21 de Setembro de 2015 às 23:42
é a este tipo de arbitragem...que os 'meninos', em coro... chamam colinho...ou será mais...a do tipo...que dá corpo, à vossa "verdade" desportiva !?


De Pedro Correia a 21 de Setembro de 2015 às 23:43
Como é que podemos aplaudir esta arbitragem que fez vista grossa a dois penáltis cometidos pelo Nacional?


De JPT a 22 de Setembro de 2015 às 00:10
Deixo lá PC, a anta em causa confessa que tem um cisco no olho. Deve ser um em cada olho. PS: salvo o devido respeito, não foram 2 penaltis. Foram 3 (três). O Gelson também foi obstruído na área. Mais um e igualava o record do Capela! Mas o que é isso comparado com um amarelo mal mostrado? SL!


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 00:22
Dizem que este senhor é um dos "novos talentos da arbitragem portuguesa". Tenho sérias dúvidas.


De ólhocisconoolho a 22 de Setembro de 2015 às 16:58
só dois!? porquê!? só se deixaram cair 2 vezes ou foi o número máximo de simulações

desta vez estão muito pobres no pedir !!!!!!!


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 20:36
Está-se bem aí a meio da tabela? Que tal a vista?


De Rudolfo Dias a 22 de Setembro de 2015 às 06:41
Jogo insosso, exibição insípida, expulsão programada e oportunamente conveniente. O investimento em Pedro Proença começa a dar os seus frutos com a influência que tem nestes jovens árbitros. No final, sensação de alívio intestinal completa do DE carvalho, com Klopp na bancada.


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 09:22
Parabéns por mais uma derrota. E vão três, em seis jogos disputados. Nem uma vitoriazinha fora de casa... Vitória só mesmo no apelido.


De Bruno Cardoso a 22 de Setembro de 2015 às 10:42
As capas dos jornais hoje deveriam ser:
"J mete o Bi-Campeão de 4!"

O J continua a oferecer-me momentos verdadeiramente deliciosos.
1º conseguiu ajoelhar-se em pleno dragão deixando 14 milhões de adeptos ao rubro + 260.000 "sócios" + 1 ou 2 simpatizantes
Depois foi só gozar com os lampiões/morcões durante 85 minutos (que contentes que eles estavam!!!)


De Rudolfo Dias a 22 de Setembro de 2015 às 14:32
"O J continua a oferecer-me momentos verdadeiramente deliciosos."
A começar pela entrada na LC, delicioso, a derrota na Liga "Oropa", delicioso. Temos assim um J de trazer por casa, e com exibições destas e outras que tais, no final do campeonato vai ser delicioso.


De Bruno Cardoso a 22 de Setembro de 2015 às 14:54
Já foste comentar a vitoria do Rui vitória no jogo do fim de semana?
Que orgulho ver aquela equipa a crescer de dia para dia.
Cresceu contra o Sporting e foi 1-0, cresceu um pouco mais com o Arouca e foi 1-0 e agora cresceu contra o FCP....sempre a crescer, desde 190*...não completei porque nem vcs sabem quando nasceram... e já agora, contra o FCP tb foi 1-0.
Carrega bi-campeão


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 15:55
A papoila anda cada vez mais murcha...


De Rudolfo Dias a 22 de Setembro de 2015 às 19:50
Obrigado por pronunciar essa palavra maravilhosa que é bi-campeão. Soa bem e ainda o somos. Por acaso alguém neste blogue já era vivo quando o scp foi bi-campeão? Ninguém. Por acaso alguém neste blogue ainda é vivo SE o scp for bi-campeão? NINGUÉM.


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 20:34
O bicampeão é sportinguista desde pequenino e mora em Alvalade.


De Fernando Albuquerque a 22 de Setembro de 2015 às 11:34
Prezado Pedro Correia

Embora não tenha gostado da nossa exibição, pois continuamos a ter em campo jogadores, que não justificam a sua presença, pois não compreendo a insistência nos mesmos , sendo o banco dos suplentes o local indicado.

Foi mais um jogo difícil e com casos de arbitragem, pois não percebo porque razão o jogador do Nacional foi punido com o cartão amarelo, que deu aso á sua expulsão. A verdade é que não foi com o ombro como ele diz a não ser que o mesmo esteja muito descaído, mas sim com a anca . Mas como vivemos num País de vesgos e pessoas pouco sérias, penso que o senhor professor (?) , está na altura de ir a uma consulta de oftalmologia, pois tem muita dificuldade em acompanhar os jogos, pois quando se tem a mania que é poeta, pelo menos rezam as boas maneiras que deveremos ser coerentes nas nossas apreciações e não mentir descaradamente. Mas nós já conhecemos o senhor professor há muitos anos, se calhar demasiados, pois pessoas destas não fazem nada no futebol, pois sendo um desporto caro, a qualidade das suas equipas não justificam a ida aos estádios. Seja ao menos sério e não minta, pois fica mal a uma pessoa que tanto lamenta os problemas das pessoas com menos posses, mas que se calhar nada faz para alterar esta situação.

Um abraço Fernando Albuquerque


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 15:54
Meu caro, o Professor Maçado tem vocação para motorista da Carris em dia de greve: aquilo de que ele mais gosta é de estacionar o autocarro.

Um abraço amigo.


De scpsempre a 22 de Setembro de 2015 às 11:41
E os prognósticos????? :(
Estou a ver que não sou a única a não gostar, ou melhor, a detestar jogos ás segundas feira e ainda mais ás 21h00.


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 15:54
Hei-de de fazer o balanço dos prognósticos. Nunca falha (o balanço, pois os prognósticos às vezes falham por completo).


De Bruno Cardoso a 22 de Setembro de 2015 às 20:24
carrega BI campeão... festeja aí a grande vitória do fim de semana.
estamos contigo. esta semana já não perdes mais


De Pedro Correia a 22 de Setembro de 2015 às 20:42
Os bi jogam como na B.


De Jorge Sousa a 23 de Setembro de 2015 às 22:27
Mais um jogo que valeu mais pelo resultado do que pela exibição. Em todo o caso o jogo foi de sentido único, a baliza do Nacional! O jogo até começou ritmado com um par de ocasiões em que poderíamos ter inaugurado o marcador e onde logo aos 2 min ficou um penalty por marcar. A partir da expulsão do jogador do Nacional, que convenhamos foi algo forçada, o jogo ficou pior, a jogar-se somente nos ultimos 30 metros do campo. Meio Campo aluga-se bem que se podia dizer! Na segunda parte Jesus trocou o desisnpirado Teo pelo inspirado Montero! Gelson martins esteve sempre muito activo, embora por vezes sem grande descernimento nas suas acções. O Sporting parecia uma equipa sem ideias e fatigada, e onde a percentagem de passes errados assmunia contornos dantescos. A paciência ia-se esgotando, mas na melhor jogada da partida, Mané assistiu Montero para o único golo da noite. Triunfo justíssimo, obtido com sangue, suor e lágrimas!

Melhor em Campo: Adrien e penso ter sido um dos melhores jogos de Bryan Ruiz com a camisola do Sporting!

Boas Notícias, os regressos de William e Ewerton já para o Bessa, ao que parece.

Más notícias, o "desaparecimento" de Carrilo.


Saudações Leoninas


De Pedro Correia a 23 de Setembro de 2015 às 22:42
Caro Jorge: vencemos sem William nem Ewerton nem Carrillo. Nem o Nani que tantas alegrias nos deu na época passada.
Apesar de não termos (pelo menos até agora) melhor onze do que há um ano, estamos com a melhor classificação desde 1996/97 à quinta jornada.


De Jorge Sousa a 23 de Setembro de 2015 às 23:18
Caro Pedro Correia,

Eu sou daqueles que prefere ganhar jogado mal do que perder jogado bem. O que não invalida que deseje que o Sporting jogue um futebol de grande qualidade e os regresos de William e Ewerton são uma esperança nesse sentido... Quanto à novela Carrillo, penso que só teríamos a ganhar com a clarificação o quanto antes do desfecho do processo. Acho mesmo que o Presidente deveria impôr uma data para o "Ou sim ou Sopas". É que já não há Paciência...Irra!!


De Pedro Correia a 23 de Setembro de 2015 às 23:57
De facto já não há Paciência. Nem Domingos, despedido no consulado de Godinho Lopes...
Quanto ao Carrillo: a cada semana que passa, perde espaço na equipa e perde consideração dos adeptos. Dentro de algum tempo deixará de ter possibilidades de jogar em Alvalade: os sportinguistas não lhe perdoam este comportamento. Só tornado possível, valha a verdade, porque a gerência anterior hipotecou 50% do passe do peruano, condicionando agora (e de que maneira) as opções de Bruno de Carvalho.
Felizmente restam muito poucas situações como esta no plantel. A actual direcção leonina tem reassumido o controlo dos passes dos jogadores, evitando assim que fiquem à mercê dos intermediários especuladores que pensam apenas no lucro fácil à custa dos atletas.
Até nisto, felizmente, o Sporting mudou. Para melhor.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Os nossos comentadores me...

A solução e o problema

Os nossos comentadores me...

Gamanço Futebol Clube

Os nossos jogadores, um a...

Rescaldo do jogo de hoje

Regras para um candidato ...

O mais comentado de sempr...

Os nossos comentadores me...

Pum! Um tiro na candidatu...

Arquivo

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

vitórias

prognósticos

jorge jesus

há um ano

balanço

campeonato

slb

arbitragem

benfica

jogadores

mundial 2014

rescaldo

taça de portugal

liga europa

godinho lopes

eleições

ler os outros

árbitros

euro 2016

golos

clássicos

futebol

comentadores

nós

crise

marco silva

scp

cristiano ronaldo

análise

chavões

formação

humor

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds