10 Jan 17

Não faz o menor sentido haver um clube desportivo em Portugal autorizado pela Liga a transmitir e difundir em exclusivo as imagens dos jogos que realiza em casa. Isto possibilita que este clube seleccione as imagens que muito bem entenda para servirem de base à discussão dos lances mais polémicos.

Bafejado por este privilégio, o Benfica divulgou excertos filmados das grandes penalidades cometidas por Pizzi e Nelson Semedo frente ao Sporting em que estes jogadores eram vistos de lado ou à distância, permitindo que pairassem dúvidas, em qualquer desses lances, sobre o castigo máximo negado à equipa anfitriã pelo árbitro Jorge Sousa.

As imagens esclarecedoras acabaram por ser exibidas só cerca de hora e meia após o apito final do Benfica-Sporting, quando o observador do árbitro já lhe havia atribuído a nota e os especialistas em arbitragem já tinham proferido os seus veredictos nas colunas dos jornais.

Deve ser posto fim sem demora a esta situação de excepção, que concede ao Benfica um estatuto privilegiado de que mais nenhum outro clube nacional usufrui. Em nome da transparência competitiva e pelo combate sem tréguas à mentira no futebol português.


comentar
50 comentários:
De Simão a 10 de Janeiro de 2017 às 10:17
Apesar de, em tempos, se vangloriarem de ser os "campeões das contratações" e terem o "melhor treinador a treinar em Portugal", está visto que não têm equipa capaz de lutar com o Benfica. Depois dos ataques aos árbitros, o desespero leva-os agora a embirrar com a BTV.
Não há dúvida que a azia está cada vez maior e a provocar efeitos secundários.


De miguel c. a 10 de Janeiro de 2017 às 12:44
O benfica junta no mesmo jogo várias modalidades não federadas. Não é fácil lutar contra o benfica, não.

E calhando, tal como com o colesterol, há duas azias: a boa e a má.
A azia à batota, ao branqueamento, à corrupção, à mentira, dessa azia vamos padecendo ...

Mas não há mal que nunca acabe!


De Pedro Correia a 10 de Janeiro de 2017 às 13:01
Subscrevo: sentimos a saudável azia à batota, ao branqueamento, à corrupção, à mentira.
Ainda bem.


De Pedro Correia a 10 de Janeiro de 2017 às 13:04
Não está nada visto. Se não fosse o árbitro Jorge Sousa, o Sporting teria ganho ao SLB e estaria hoje a liderar a LIga.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Os nossos comentadores me...

E agora, algo verdadeiram...

A obrigação de tudo fazer

A minha costela Jota Jota

Os nossos comentadores me...

Pódio: Bas Dost, Gelson M...

O ponto

Mais um fim-de-semana rid...

O problema

Inaceitável

Arquivo

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

vitórias

prognósticos

jorge jesus

há um ano

balanço

campeonato

slb

arbitragem

benfica

jogadores

mundial 2014

rescaldo

taça de portugal

liga europa

godinho lopes

eleições

ler os outros

árbitros

euro 2016

golos

clássicos

futebol

comentadores

nós

marco silva

crise

scp

cristiano ronaldo

análise

chavões

formação

humor

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
114 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds