23 Mar 17

18785884_uzZ5k[1].jpg

 

Facto a merecer registo: houve arbitragens impecáveis nos dois últimos jogos do Sporting. Ainda por cima por parte dos senhores  Bruno Paixão e Jorge Ferreira, árbitros extremamente polémicos, como o país futebolístico bem sabe.

Confirma-se: as arbitragens com influência nos resultados existem sobretudo na primeira metade do campeonato, quando as posições na tabela estão a ser definidas e tudo permanece em aberto. Arbitragens como as de Artur Soares Dias, que nos retirou dois pontos em Guimarães à jornada 7. Ou as de Jorge Sousa, que perdoou dois penáltis ao Benfica no dérbi da jornada 13.

É preciso pôr cobro a isto de uma vez para sempre. Em nome da verdade desportiva, para que a mentira seja afastada de vez dos relvados nacionais.


comentar
44 comentários:
De Tiago a 23 de Março de 2017 às 08:50
E o da madeira contra o maritimo... a brincar a brincar stavamos a lutar pelo titulo!


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 10:43
Se não estivéssemos, andávamos lá muito perto. Mas como de costume as arbitragens isentas só chegam quase no fim.


De anonymous a 23 de Março de 2017 às 09:06
E já lá vão 15 anos sem ganhar um campeonato.
Continuem, pois, a insistir na ficção e não olhem para os erros próprios que não tarda irão bater o record de anos seguidos sem títulos...


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 12:02
E já lá vão 55 anos sem ganharem um título europeu.
Mas não se preocupem. Ainda falta muito até perfazer um século!


De Anónimo a 23 de Março de 2017 às 09:09
E o penalti sobre o Bruno César na Madeira contra o Nacional, já no final do jogo; como o William tinha falhado um penalti ficamos calados e conformados.
Este campeonato é uma trampa, o Al Capone comparado com alguns senhores é um menino de coro .
Todos os anos a mesma coisa, prejudicados na primeira metade e arbitragens isentas, ou até beneficio, quando já estamos fora.
Isto vai acabar algum dia? Como?


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 12:35
Basta acordarem com uma cabeça de cavalo na cama.
Não é preciso inventar nada. Já tudo foi inventado.


De Simão Gamito a 23 de Março de 2017 às 09:53
Claro que agora, que já afastaram o Sporting da luta pelo título, já podem dar uma de bons árbitros, aqui e ali até podem deixar passar um penalti contra nós, ou coisa do género. Só que, entretanto, já levaram a carta a Garcia. Umas latas de spray é do que eles estão a precisar e não propriamenre em muros...


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 10:42
A alguns deles não posso ver nem pintados...


De Carlos Silva a 23 de Março de 2017 às 11:41
A máfia no futebol é muito potente, embora infelizmente ela não se restrinja só aqui. É transversal a todas as actividades e latitudes.Vai ser muito difícil desalojá-la, mas um dia terá um fim


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 15:04
Há que fechar-lhes a porta. Pelo menos uma já foi fechada. A porta 18.


De José a 23 de Março de 2017 às 12:14
Mas como poderia a aparecer o Orelhas a falar do Tetra? Não, não era a mesma coisa!


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 12:34
Este ano vai ficar com as Orelhas a arder.


De Simão Gamito a 23 de Março de 2017 às 13:35
A abitragem do jogo com os encarnados foi determinante na débacle da nossa equipa.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 15:04
Sem a menor dúvida. Jorge Sousa actuou nessa partida como o "12.º jogador" encarnado.


De VideoVasco a 23 de Março de 2017 às 14:07
Coitados, a serem roubados desde 25 de abril de 1974. Esses ladrões reduziram o Sporting a um clube anedótico que se diz grande, mas que desde 1974 ganhou 4 campeonatos. Uma vergonha.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 15:06
O Campeonato da Liberdade foi conquistado pelo Sporting. Vale por dez ou por vinte. Aliás em 1974 fizemos a dobradinha - campeonato e Taça verdadeira.
Quando foi enfim derrubada a ditadura salazarista-benfiquista protagonizada pelo lampião Oliveira Salazar.


De Carlos Silva a 23 de Março de 2017 às 16:12
A força do meu clube mede-se por ser a Maior Potência Desportiva Nacional. Claro que há, se quiser, outros pormenores. Por exemplo, mesmo não ganhando campeonatos há muito tempo, é de tal forma poderoso, que grande número de comentadores de outros clubes vêm diária e sistematicamente a este espaço. Isso é revelador do poder que estes lhe atribuem. Como bem sabe, as coisas menores não merecem atenção. Veja-se o meu caso, nunca por nunca ser iria, nem por leves segundos, espreitar um blogue lampião. Tenho mais que fazer.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 16:41
O leitor Video Calimero Vasco pertence a um clube que está sempre a chorar.
Ainda ontem pariram um comunicado absurdo, exigindo da FPF coisas como “respeito” e “justiça igual para todos” e acusando o futebol português de “estado de total anarquia" enquanto faltavam à gala promovida pela Federação.
Como se não fossem o clube do colinho...
Não se enxergam mesmo.


De Carlos Silva a 23 de Março de 2017 às 18:21
Aviso Celestial. Quando cheguei à estação do Colégio Militar, eis senão quando, ouvi uma voz potente, sem conseguir descortinar quem a proferiu. " Take Care Whith Your Belongings".
Dei por mim a pensar, aviso importante, mas tardio. Se tivesse sido antes, ainda tínhamos os nossos três pontos.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 18:33
Eu quando chego a essa estação, por um gesto instintivo, levo logo a mão à carteira.


De Carlos Silva a 23 de Março de 2017 às 18:39
Chama-se a isso, a mais elementar Prudência. Ou... Leão escaldado de árbitro corrupto, tem medo.
(Velho proverbio)


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 18:50
Mas é bom que se cuidem, Carlos.
Quando o Leão ruge, o boi já não muge (Outro velho provérbio)


De Carlos Silva a 23 de Março de 2017 às 21:27
Pedro, lamento mas o provérbio está incompleto. Então é assim:
Quando o Leão ruge, o boi já não muge, e a vaca seca a teta.
Agora sim está completo. A bem da verdade desportiva


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 21:30
Eles avacalharam tudo, Carlos.


De Rudolfo Dias a 23 de Março de 2017 às 18:39
A maior impotência desportiva, Sporting Chorões de Portugal.
Descobriram agora que só são roubados na primeira metade da época, enquanto que outros são roubados a época inteira mas mesmo assim ainda vão em primeiro lugar. É a diferença, uns são roubados e deixam-se abater, pranteando, outros são roubados e reagem.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 18:51
Impotência é o seu nome do meio, Dias.


De Rudolfo Dias a 23 de Março de 2017 às 19:37
Pela resposta dada, o seu nome do meio é Prepotência.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 20:39
Como queira Vossa Insolência.


De rudolfodias a 23 de Março de 2017 às 21:23
Ao seu dispor, Vossa Imprudência.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 21:28
Passe Vossa Indecência muito bem.


De Carlos Silva a 23 de Março de 2017 às 18:59
Oh homem, por favor, pare....não consigo parar de chorar.
Sempre que me riu muito, as lágrimas vêem-me sempre os olhos.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 20:33


De Francisco Xavier a 23 de Março de 2017 às 14:32
Em Janeiro já estavam eliminados de todas as competições (nacionais e internacionais) e afastados da luta pelo campeonato e a razão principal disso ter acontecido está na arbitragem de dois jogos em que perderam pontos porque foram incompetentes?

Não aprendam a olhar para dentro e depois digam que ninguém vos avisou...


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 14:47
Eliminados de todas as competições?
Hum. Fala do seu clube? Perdera a Taça da Liga para o Moreirense, as competições europeias foram para o galheiro, a corrida à Bota de Prata está perdida, o campeonato está tremido...


De pete a 23 de Março de 2017 às 16:04
http://taticadomister.blogspot.pt/2017/03/so-23-jornada-o-scp-tem-sorte-de.html

Só à 23ª jornada...quando já está tudo +- definido


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 16:38
Como bem se sublinha nesse blogue, "foi necessário esperarmos pela 23ª jornada para vermos o SCP a beneficiar de um erro flagrante de arbitragem".


De JRamos a 23 de Março de 2017 às 17:48
Eu não acredito na verdade desportiva em Portugal. O plantel do próximo ano tem que ser preparado para jogar contra os árbitros também. Só assim poderemos ganhar. Os jogadores tem que olhar para o árbitro como um agente dos interesses do benfica e do porto e jogar o jogo de acordo com este constrangimento.


De Pedro Correia a 23 de Março de 2017 às 18:03
Não vou tão longe, mas devemos sempre acautelar-nos contra arbitragens tendenciosas e adulteradoras dos resultados desportivos.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Frases eternas (2)

Postal aos nossos jogador...

O berço do campeonato

Mais do que desporto

Frases eternas (1)

Leoas às sextas

Ética - a morosidade da (...

A voz do leitor

264 visualizações por hor...

A primeira de muitas....

Facebook
És a Nossa Fé no Facebook
Twitter
És a Nossa Fé no Twitter
Arquivo

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

selecção

leoas

bruno de carvalho

prognósticos

jorge jesus

balanço

slb

há um ano

vitórias

campeonato

jogadores

benfica

eleições

rescaldo

arbitragem

mundial 2014

taça de portugal

nós

golos

ler os outros

liga europa

godinho lopes

futebol

árbitros

clássicos

euro 2016

comentadores

cristiano ronaldo

scp

formação

humor

análise

crise

chavões

liga dos campeões

derrotas

william carvalho

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
142 comentários
138 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds