23 Jan 12

Que tem contribuído para o Sporting, depois da década de 60 e nomeadamente após os anos 80, ser um 'Grande' sem vitórias da sua principal equipa de futebol correspondentes a esse estatuto? Seria interessante fazer um estudo sobre este tema (é um repto também para mim próprio) e descobrir os 'porquê' e os 'como' desses inêxitos. Mas, mesmo sem ter investigado, alinho umas ideias sobre o assunto.  E arrisco duas palavras chave: continuidade e participação. Continuidade de um trabalho direcionado para a primeira equipa profissional; e participação (e influência) no sistema de poder do futebol. Quer num quer noutro plano, a fragilidade do clube parece-me evidente. Quando, no final dos anos 70 e nos anos 80, houve continuidade no plano diretivo (o ciclo de João Rocha), regista-se uma permanente deriva no plano do futebol profissional - treinadores e equipas em constante rotação, sem outro nexo de continuidade que não a do presidente da direção. O Sporting ganha tudo numa época, na viragem da década de 70/80, e, quando o trabalho de um treinador e de uma equipa parecia que iria ter sequência, tudo é alterado por um simples capricho do presidente. O que poderia ser o início de um ciclo vencedor foi uma rutura. Outro exemplo: nos anos 90, Bobby Robson, treinador de uma equipa cheia de talento e de talentos, que seguia em primeiro lugar, foi despedido - também por um capricho do presidente de então. Os ciclos naturais do fazer e refazer a equipa foram demasiado curtos - tiveram por base a descontinuidade, a rutura viciosa, geradora de inêxitos. Na viragem da década de 70, quando ainda o poder do futebol não tinha passado do sul para o norte, o que alterou totalmente a relação de forças no futebol português, esse interromper de caminhada para um ciclo de vitórias foi dramático. E, mais dramático ainda, porque o clube reagiu de uma forma ingénua e incompetente à nova realidade 'política' associativa. A minha expetativa positiva, face aos atuais quadros dirigentes do clube e aos do futebol profissional, é porque parece estar-se a trilhar o caminho correto. Ansioso, mas confiante, escrevo este post duas horas antes do Olhanense-Sporting. Qualquer que seja, portanto, o resultado.

Tags:

comentar
2 comentários:
De Leão Magno a 24 de Janeiro de 2012 às 03:13
O despedimento de Bobby Robson - após uma miserável derrota por 0-3, em Salzburgo, para a Taça UEFA - terá sido um infelicíssimo acto da então direcção do Sporting presidida por Sousa Cintra; porém, ao tempo já não estávamos em primeiro lugar mas tão-só em terceiro. Portanto, é uma "lenda urbana" pura a história de que Bobby Robson foi despedido com o Sporting em 1º lugar no campeonato.


De Jose Manuel Barroso a 24 de Janeiro de 2012 às 13:46
Não é 'lenda urbana', não, o Sporting estava mesmo em primeiro, conforme pode verificar nos registos. E isso até provocou um comentário de Robson, na altura, ele nunca havia sido despedido como treinador e muito menos indo na frente do campeonato. Por muito miserável que fosse a derrota em Salzburgo, e foi, isso não desculpa o irracional da decisão de despedimento. Seguiu-se o episódio Cherbakov, o 3-6, contra o Benfica, e etc.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Dois de quatro

Fotocópia autenticada

Cães e pulgas

Balanço (35)

Palmarés leonino (41)

Palmarés leonino (40)

Palmarés leonino (39)

O polvo encarnado (4)

Os nossos comentadores me...

Balanço (34)

Facebook
És a Nossa Fé no Facebook
Twitter
És a Nossa Fé no Twitter
Arquivo

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

selecção

bruno de carvalho

leoas

prognósticos

jorge jesus

balanço

slb

há um ano

vitórias

campeonato

benfica

jogadores

eleições

rescaldo

arbitragem

mundial 2014

taça de portugal

nós

liga europa

ler os outros

godinho lopes

golos

clássicos

futebol

árbitros

euro 2016

comentadores

cristiano ronaldo

scp

humor

formação

análise

crise

chavões

liga dos campeões

derrotas

william carvalho

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds