22 Jul 12

Num post que publiquei intitulado «O que dizem eles», no qual comentei as declarações de algumas figuras públicas sobre a decisão do Conselho de Justiça da FPF, relativamente à proibição dos empréstimos no futebol português, citei esta do dr. José Manuel Meirim: «A decisão é clara e significa o fim da proibição ao cancelamento dos empréstimos». A minha observação: «E quem andar à chuva, molha-se. Foi necessário consultar um especialista em Direito para nos dizer isto? É evidente que o mais importante, pelos seus conhecimentos jurídicos, ficou por dizer, para não contrariar a maré ».

 

As comunicações electrónicas facultam um certo anonimato aos leitores, pelos seus comentários. Recebi um, identificando-se como José Manuel Meirim, e não obstante alguma apreensão da minha parte, quanto à sua genuinidade, transcrevo-o neste espaço e respondo:

 

«Não tenho por hábito interferir nas opiniões sobre a minha pessoa e afirmações. Por uma questão de reposição da verdade - os comentários são, na maioria das vezes, efectuados com total desconhecimento do contexto - devo acrescentar algo aos leitores e comentaristas deste blogue. A única pergunta que me foi feita pelos jornalistas - no desconhecimento dos fundamentos da decisão do CJ - só tinha aquela resposta. Não sou responsável pelo que me perguntam. Apenas sou responsável pelo que respondo. De todo modo, trazido a debate um denominado princípio da liberdade de trabalho, não vejo como o mesmo fica afectado com a proibição das cedências nos termos da norma da LPFP. Tal princípio funciona, em pleno, no momento em que os clubes que querem ser cedentes contratam os jogadores. A partir daí, com a liberdade de acesso ao trabalho assegurada, não vejo como a proibição da cedência, como configurada, ofende tal princípio. Se os clubes os contratam, porque não ficam com eles ? Obrigado. José Manuel Meirim».

 

Resposta:

 

Caro Dr. José Manuel Meirim,

 

Subscrevo inteiramente as suas palavras, não obstante o reparo algo derrogatório, e pelo que agora se verifica, injusto, que dirigi à sua pessoa, pela frase «no que ficou por dizer, para não contrariar a maré». Apenas a modo de explicação, esta crítica deve-se, fundamentalmente, à minha óptica pessoal e sportinguista há muito influenciada pelas anormalidades que ocorrem com exasperante frequência no futebol português, invariavelmente em seu detrimento e, colateralmente, do Sporting. Apresento-lhe as minhas sinceras desculpas pela incorrecta presunção, muito embora nunca tenha duvidado do seu real parecer no que diz respeito à essência jurídica da alegada «limitação de livre acesso a trabalho», assim noticiada como a principal justificação do Conselho de Justiça da FPF, ao dar provimento ao recurso apresentado pelo Benfica. Em última análise, a sua apreciação do caso corrobora a minha, por outras palavras.

 


comentar
5 comentários:
De A. Santos a 23 de Julho de 2012 às 16:25
Caro Rui Gomes. Tenho forte convicção que está a responder a alguém que não o Dr. José Manuel Meirim, conforme também faz referência. De qualquer das maneiras, a sua resposta é a resposta certa e adequada ao contexto apresentado, dando ás pessoas o direito ao esclarecimento, tendo até sem qualquer constrangimento ter que rever a sua posição inicial. Felicito-o por isso, e aproveito também para rever a minha posição em relação a um comentário que fiz no post anterior. Do debate e do esclarecimento também nasce a luz. Para terminar, gostaria de acrescentar que é para nós colaboradores e leitores deste blog, um previlégio ter o Dr. José Manuel Meirim a intervir neste espaço. Só espero é que seja o verdadeiro...

Cumprimentos


De Rui Gomes a 23 de Julho de 2012 às 16:44
Caro A. Santos,

Como o meu post reflecte, não houve pré-oportunidade de confirmar a genuinidade do autor do comentário, antes de responder, algo que fiz partindo desse pressuposto, dando o devido benefício da dúvida. Preza-me, entretanto, confirmar que foi mesmo o Dr. José Manuel Meirim que nos previligiou com a sua apreciação à decisão do Conselho de Justiça que, aliás, como citei, corrobora a minha - direi até, nossa. Mesmo sem existir publicação do teor da decisão do CJ - algo que, estranhamente, não é obrigado a fazer, sempre acreditei que dentro de uma leitura jurídica, o «princípio de livre acesso a trabalho» não tinha sido ofendido pela decisão da Assembleia Geral da Liga. Cada um fica agora livre de tirar as suas ilações quanto ao juízo do orgão federativo. Não requer muita imaginação...


De Rui Gomes a 23 de Julho de 2012 às 17:48
P.S. Refiro-o ao recém-recebido segundo comentário do Dr. José Manuel Meirim, que serve como dupla confirmação.


De José Manuel Meirim a 23 de Julho de 2012 às 17:36
Agradeço vivamente a resposta que foi publicada neste espaço.
Não tenho especial forma de comprovar que eu sou eu.
Deixo o meu email: josemeirim@gmail.com.

Como será fácil constatar é o mesmo endereço electrónico que utilizo nas crónicas dominicais no Públic e para os meus mutios alunso, a começar pelos da FDUNL (onde o mesmo é publicitado)

Uma nota final.
Sendo adepto benfiquista não deixa de ser digno de registo que, agora neste espaço, mas no passado numa pequena entrevista a outro blogue de adeptos do Sporting, tenha sido muito bem recebido.

Cumprimentos e a disponibilidade do

JMMeirim



De Rui Gomes a 23 de Julho de 2012 às 17:52
Caro Dr. José Manuel Meirim,

Preza-me reconhecer a sua participação neste espaço verde-e-branco, onde será sempre bem-vindo, não obstante as suas simpatias emblemáticas.

Saudações cordeais,

Rui Gomes


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

No futebol nada é eterno

O perfume de Lídia Faria

Vale tudo

Os postais do Martinho de...

Esperança e fé

Os nossos comentadores me...

Tudo ao molho e FÉ em Deu...

Bom ou mau sinal?

Banho quente...

Qué's ver que a culpa ain...

Facebook
És a Nossa Fé no Facebook
Twitter
És a Nossa Fé no Twitter
Arquivo

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

selecção

leoas

bruno de carvalho

prognósticos

balanço

jorge jesus

slb

há um ano

vitórias

campeonato

benfica

jogadores

eleições

rescaldo

arbitragem

mundial 2014

taça de portugal

nós

golos

ler os outros

liga europa

godinho lopes

futebol

árbitros

clássicos

euro 2016

comentadores

cristiano ronaldo

scp

humor

formação

análise

crise

chavões

liga dos campeões

derrotas

william carvalho

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
142 comentários
138 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds