26 Jun 12
 

«Em 10 anos igualámos o registo de títulos de outro clube (SCP) com mais 20 anos nas modalidades. Somos o número 1 do ranking da UEFA».

 

-    Luís Filipe Vieira    -

 

Observação: Propaganda do presidente benfiquista para consumo «lampiónico». Em primeiro lugar, o Benfica venceu no futsal e no basquetebol. O campeonato de hóquei em patins ainda não está homologado e, no atletismo, apenas venceu nos masculinos, já que o Sporting venceu nos femininos. Quanto ao ser n.º 1 do ranking da UEFA, que se saiba, a União das Federações Europeias de Futebol só governa esta modalidade e o futsal e não as restantes. Em nenhuma das duas o Benfica é n.º 1 do ranking. Consequentemente, a que ranking se refere Luís Filipe Vieira? E, já agora, deveria explicar quanto dos 400 milhões do passivo são aplicáveis aos referidos títulos.


comentar
38 comentários:
De Jose Manuel Barroso a 26 de Junho de 2012 às 23:08
Este LFV quer superar o 'Papa' pelo lado pior... Está em campanha eleitoral e vale tudo, ele não é exemplo o que se siga, só que reescreve a história e esquece ao lado de quem esteve e o que fez (o comunicado do FCP tocou nas feridas, hehe, eles entendem-se bem).
O comportamento dos Benfas no futsal e noi basquete foi miserável, quanto a desportivismo e a pressão sobre os árbitros, que tão bem resultou no futsal.


De Rui Gomes a 26 de Junho de 2012 às 23:16
Subscrevo inteiramente, Zé Manel. Um dos primeiros termos que me veio à ideia para o post foi «fantasia insólita». É isso e mais...


De CP a 26 de Junho de 2012 às 23:34
No futsal perderam na final mas bateram-se bem e com a elevação habitual, é de assinalar.
um clube diferente, com adeptos diferentes, com pavilhões diferentes e com derrotas sempre diferentes. os outros perdem mas o sporting não perde! é vitima.
o SLB em si mesmo e na voz do seu presidente, tem mau perder, falta de carácter, e é adorador do demo! e o sporting dá a catequese e indica o verdadeiro caminho do nirvana e da pureza.
São diferenças que cavam um fosso no carácter dos seus adeptos.
E entretanto o único adversário que o SLB tem verdadeiramente é o FCP. o sporting tem a sua missão evangélica e da queixinha que vai assumindo ao som dos aplausos dos seus adeptos. uns ganham e os outros queixam-se apontam o caminho da virgindade imaculada. coisas da educação que vêm do berço.
Parabéns aos vencedores da 2ª divisão do hoquei!



De Rui Gomes a 26 de Junho de 2012 às 23:51
Se a memória não falha, o Sporting venceu os últimos dois anos. Este ano, indiferente dos quês e porquês em torno da final, foi só no prolongamento do último jogo. Não há aqui qualquer supremacia do Benfica. Quanto ao ranking de n.º 1 na UEFA ainda não consegui descobrir. Deve estar algures muito bem escondido.


De Filipe Boto Machado a 28 de Junho de 2012 às 13:03
CP, este comentário está absolutamente delicioso!


De Rui Gomes a 28 de Junho de 2012 às 14:17
Mais um que só vê o sol pelas sombras que faz. Foi para o seu tipo de lampião, e há muitos, que LFV dirigiu o comentário. Ele sabe, melhor do que ninguém, que a cultura «lampiónica» absorve toda e qualquer idiotice. Chama-se «consumo cultural», a par do imaginário ranking de n.º 1 da UEFA.


De Filipe Boto Machado a 28 de Junho de 2012 às 15:45
Não ofenda quem não o ofendeu. Não esteja tão nervoso. Escreva mais um post "Isto também é o Sporting" e vai ver que isso lhe passa. Comemore o título de carabina deitado e hoquéi em patins da 2ª divisão e vai ver que o sol estará mais bonito e nem haverão sombras. Sugira que o Sporting se inscreva no campeonato do berlinde ou do jogo da malha. O Benfica não vos fará concorrência e terá mais uns títulos para o seu Sporting ecléctico. Cultive a sua cultura desportivista e de bons princípios que nós benfiquistas, mesmo não estando satisfeitos com a última época, continuamos a acreditar na idiotice de ter conquistado títulos em modalidades que justificam um post. Upss, não foi idiotice, foi mesmo realidade, a cultura sportinguista é que lhe permite aceitar esse facto.


De Rui Gomes a 28 de Junho de 2012 às 16:31
Limitei-me a citar factos. No entanto, acho bem que continuem a viver na ilusão do «maior» e a menosprezar os feitos alheios.


De Lancero a 29 de Junho de 2012 às 19:10
Falava-se unicamente de futsal.
Isto é o belo costume calimero de retirar de contexto...


De Rui Gomes a 29 de Junho de 2012 às 19:40
Limitei-me a reproduzir as palavras dele, em que se refere às «modalidades». Mesmo no futsal, como é que o Benfica é o n.º da UEFA ?


De Lancero a 29 de Junho de 2012 às 20:13
Convém ir à fonte, e não se fiar. Veja/ouça pelos 3m20s do vídeo (indico o momento exacto para não o massacrar).
http://www.youtube.com/watch?v=jccj0mUNqeo
"No futsal (...) modalidade".

Quanto à segunda parte da sua dúvida, desde que a Uefa publicou o ranking e respectivos quocientes para a Uefa Futsal Cup 2012/13.
http://www.uefa.com/MultimediaFiles/Download/competitions/Draws/01/83/64/16/1836416_DOWNLOAD.pdf


De Rui Gomes a 29 de Junho de 2012 às 20:59
Não tive oportunidade de ver o vídeo no YouTube mas deixamos isso à parte por agora. Quanto ao suposto ranking, tive o cuidado de pesquisar os sites da UEFA antes de publicar o post. Compreendo perfeitamente o posicionamento do Benfica, baseado no coeficiente, no que concerne a UEFA Futsal Cup 2012-13. Lidera o grupo elite assim como o Sporting estava colocado nesse mesmo grupo - com apenas 4 clubes - a época passada. Esta classificação refere precisamente ao posicionamento dos clubes no contexto da competição e não ao ranking universal (europeu). Por conseguinte, apenas contem os emblemas aptos para a competição, na maioria dos casos os vencedores dos campeonatos domésticos, e nem a+psequer menciona o ranking geral, que inlcluirá, todos os outros que este ano não participam no Futsal Cup. Isto dissecado, o LFV deveria ter tido que o Benfica lidera o grupo elite da UEFA Futsal Cup. Sinceramente, não consegui descobrir o ranking geral e até não sei se a UEFA o tem. Deverá ter, mas não encontrei. Inclusível, os pertinentes regulamentos estipulam que a UEFA só determina o ranking para efeitos do sorteio da competição depois de ser informada de todos os clubes aptos a participar. Em contrapartida, encontra-se fácilmente os rankings da FIFA. São muito explícitos.


De Lancero a 30 de Junho de 2012 às 12:43
Concordamos então que a crítica é absolutamente infundada.
LFV referiu-se somente ao futsal e LFV referiu-se ao único ranking existente da UEFA.

Não se preocupe que os Benfiquistas sabem pedir explicações ao seu presidente quando é caso disso ou quando acham que foram enganados. É assim em democracia e a nossa História está aí para o provar.


De Rui Gomes a 30 de Junho de 2012 às 14:37
Os benfiquistas mais conscientes sabem muitíssimo bem que LFV usa e abusa do sensacionalismo fortuito, em parte porque ele reconhece que satisfaz a inerente cultura da casa e, neste momento, relacionado com a campanha eleitoral que ele já iniciou. Já tenho outro post preparado, sublinhando mais outro dos seus excessos verbais. Ele sensacionalizou as proezas nas modalidades e muitos benfiquistas regozijaram com isso, quando andam há anos sem conta a menosprezar os feitos do Sporting nessa área. Ainda vou contactar a UEFA directamente, para minha própria informação, quanto à existência de um ranking no futsal, no verdadeiro sentido da classificação. Como já citei, o coeficente do Futsal Cup não é um ranking global e apenas inclui os clubes participantes na prova. Pelos vistos, as exigências dos adeptos benfiquistas não terão tido muito impacto, porque apesar da contestação na última AG - convenientemente muito pouco noticiada - tudo se mantem como estava. De qualquer modo, ficamos por aqui, por agora. Outras ocasiões não faltarão.

P.S. Não confunda comentar o Benfica com «preocupação». Dois pensamentos distintos.


De Fernando Albuquerque a 30 de Junho de 2012 às 10:39
Prezado Rui Gomes

É preciso muita paciência da sua parte para responder a comentários de pessoas, que toda a vida ignoraram as modalidades ditas amadoras e que agora se glorificam com êxitos recentes para branquearem os maus resultados da época passada, no que respeita ao futebol, pois esquecem as promessas que lhes foram feitas e não concretizadas. Pena não termos acesso ao que se passou na última A.G ., do clube da segunda circular, pois seria interessante saber quais as criticas feitas.

Quanto ao comentário, dos berlindes e do jogo da Malha, lamento que hoje com tanta informação que existe na NET esse adepto das papoilas saltitantes não saiba quais as modalidades olímpicas que existem, onde o SCP durante muitos anos tem sido
um ganhador ao contrário do seu clube, que nem as pratica, onde durante muitas épocas só o futebol é que interessava .

Portanto, Amigo Rui Gomes , não perca tempo com bons rapazes, pois a linguagem que aplicam não é comum entre eles, pois as queixinhas não são só do nosso clube, que na época passada foi espoliado de muitos pontos e ao contrário quando lhes roubaram pontos em dois jogos, aí já miaram, esquecendo os jogos em que foram beneficiados, que foram muitos mais.

Saudações leoninas Fernando Albuquerque



De Rui Gomes a 30 de Junho de 2012 às 11:13
Caro Fernando Albuquerque, por vezes não é fácil, mas faz-se o possível mas demonstrar por que é que «somos diferentes». Responderei sempre a comentários construtivos, outros, nem por isso. Além de tudo mais, já sabemos muitíssimo bem o que a «casa gasta».


De Lancero a 30 de Junho de 2012 às 17:54
O Benfica acordou agora para as modalidades?
Será por isso que pratica as seguintes ininterruptamente desde a data de estreia?


Atletismo - 2 de Dezembro de 1906
Hóquei em Patins - 3 de Junho de 1917
Râguebi - 26 de Dezembro de 1924
Basquetebol - 20 de Março de 1927
Andebol - 8 de Maio de 1932
Voleibol - 31 de Maio de 1939

E ainda estas outras, que não dou a data de estreia no clube por falta de tempo para a pesquisa.
Ginástica, Pesca Desportiva, Desportos de Combate, Triatlo, Judo, Canoagem, Bilhar, Ténis de Mesa, Natação, Futsal, Hóquei em campo, Ténis.


De Rui Gomes a 30 de Junho de 2012 às 19:57
É facto público que o Sporting, históricamente, sempre se revelou para extraordinária dimensão do seu ecletismo e não apenas para preencher espaços deixados pelo futebol profissional. Dando-me ao trabalho, poderia apresentar milhares de comentários benfiquistas a ridicularizar as proezas «leoninas» nas modalidades, extensível, até, a este espaço, com frequência. Quer concorde ou não, é a realidade nua e crua.


De Lancero a 30 de Junho de 2012 às 22:44
Pode procurar onde conseguir, comentário meu não encontra. Porque considero que não preciso de achincalhar o adversário.
Eu próprio (sócio do SLB desde nascença) fui atleta federado do Sporting, em Voleibol, e sei na carne as condições - e da falta de respeito pelos atletas - em que se trabalhava naquele velhinho pavilhão (as cicatrizes deixadas pelas farpas dos tacos de madeira são prova disso). Consegui depois representar o meu Clube, com melhores condições (com respeito por algumas excelentes pessoas que encontrei no Campo Grande).
O Sporting é eclético, como o Benfica o é. Não há aqui lugar a 'buracos' deixados pelo futebol.


De Rui Gomes a 30 de Junho de 2012 às 23:03
Não seria justo da minha parte contrariar a sua experiência pessoal, sem conhecimento de causa. Isto dito, como bem sabe, experiências pessoais são muito relativas, até porque no seu caso, mesmo com as suas referidas contrariedades, o Sporting providenciou-lhe a oportunidade, inicialmente, que o seu clube não fez. Quanto aos comentários, não me manifesto sobre os seus uma vez que não tenho memória de ter visto algum, no entanto, isto não anula os milhares em registo, em inúmeros espaços.
Já agora, um comentário colateral: comecei a jogar futebol como guarda-redes e recordo-me perfeitamente de ligar as mãos com uns trapos. O clube onde me encontrava não tinha condições para mais. Muitos anos mais tarde, chefiei uma equipa minha à localidade desse mesmo clube. Jogámos e até fomos derrotados e no jantar que seguiu fui abordado pelo treindador e pelo capitão a pedir-me uma das muitas bolas de jogo do topo que eles viram que nós tínhamos. Ofereci-a de boa vontade. O ponto, tantos anos passados as condições não tinham melhorado muito. Ou seja, quem adora desporto, como eu adorei e não apenas futebol, enquanto jovem, aceita e fica grato pelas oportunidades que lhe são concedidas, indiferente das circunstâncias. Eu ainda hoje estou !


De Lancero a 1 de Julho de 2012 às 00:20
Não sou ingrato. Estou muito agradecido ao treinador Jesus, que me ensinou muito no Sporting e me colocou, ainda iniciado, a jogar nos juvenis. E ao Carlos Filipe, Florov, Cavalcanti e outros que 'perdiam' tempo no final do treino dos séniores a darem-nos dicas.


De Rui Gomes a 1 de Julho de 2012 às 20:44
Refiro-o ao comentário do sr. Fernando Albuquerque dirigido a si. Uma pessoa com vasta experiência Sporting e muitos anos de conhecimento no «milieu».


De Fernando Albuquerque a 1 de Julho de 2012 às 18:59
À atenção de Lancero

Por hábito não respondo a comentários de infiltrados, pois como não visito os blogues dos outros clubes, e na minha opinião julgo abusiva a vossa atitude.

Penso que o Sr. Rui Gomes já respondeu e eu concordo com ele quando diz que o vosso Presidente e os outros anteriores nunca vieram para a praça pública enaltecer os êxitos das modalidades ditas amadoras, mas que infelizmente esse amadorismo é conversa da treta., pois nalguns casos os honorários são chorudos.

Eu sei que no seu clube se praticam muitas modalidades e você sabe que nunca foi hábito no seu clube enaltecer esses êxitos (muito poucos) e isso acontece por razões que estão á vista de qualquer adepto do seu clube.

Teve a coragem de vestir uma camisola verde, (maravilhosa)) e eu reprovei a vossa quando um amigo meu me quis levar para o seu clube. Sportinguista desde o primeiro dia de vida, vestir uma camisola vermelha para mim era impensável. É sinal que tem bom gosto.

Quanto ao pavilhão, não sei a qual se refere, sabe bem que esse tipo de chão (tacos), foi o causador de muitas lesões, algumas irrecuperáveis. O meu filho que nasceu em 1968, jogava na altura futebol federado ,foi a um desses torneios de futebol de salão e fez por causa de um taco levantado uma rotura de ligamentos que o arrumou para sempre, portanto se tem apenas cicatrizes é para se lembrar que jogou no meu clube., o que é bastante saudável.
Também tenho uma história que não sendo igual, demonstra o que era o seu clube nos anos 50.
Como sabe o seu clube jogava num campo que penso eu foi emprestado pelo SCP , pois estava nos nossos terrenos . Ao lado do campo de futebol havia um campo de treinos com pista de cinza. Eu jogava no SCP e cada vez que jogávamos contra o seu clube, no Inverno ficávamos cheios de lama e no final do jogo quando nos preparávamos para tomar duche a agua estava gelada, pois só os atletas do seu clube tinham direito a água quente. Felizmente o estádio do SCP estava a poucos metros e aí sim podíamos tomar banho de água quente. Que eu saiba nunca os atletas do seu clube tomaram banho de água gelada nas nossas instalações.

Isto não é nenhuma critica, apenas para lhe dizer que a rivalidade já existe há muitos anos, só que há pessoas que têm falta de memória.

Fernando Albuquerque



De Lancero a 2 de Julho de 2012 às 01:33
São honorários chorudos que, só este ano, nos fizeram campeões nacionais de atletismo em juniores (mas. e fem.) e juvenis (mas. e fem.)? Ou então campeões nacionais de basquetebol em sub-20, sub-18 e sub-16? Ou será um projecto?

Quanto ao facto de eu ter vestido a camisola do Sporting, só tenho pena de, nesse ano, não ter vencido nada. O campeão de juvenis foi o Benfica. E continou a sê-lo no ano seguinte, já comigo lá.

Quanto ao estádio do Campo Grande, julgo ser esse a que se refere, o local era arrendado à Câmara de Lisboa (por 550 escudos/mês) Aliás, nunca foi do Sporting. Curiosamente foi inaugurado com uma vitória frente ao SCP, num muito saudável 5 de Outubro (sabia que quando era do SCP o estádio chamava-se 28 de Maio... ai o Regime...), e foi alvo de muitos melhoramentos por parte do Benfica (já deve ter ouvido falar da Estância de Madeira...).

Quanto a eu ser "infiltrado", sê-lo-ia se não assumisse o meu clube. Mas assumo.


De Rui Gomes a 2 de Julho de 2012 às 21:17
Venho mais uma vez a referi-lo à resposta do sr. Fernando Albuquerque ao seu comentário.


De Fernando Albuquerque a 2 de Julho de 2012 às 09:54
A atenção de Lancero

Penso que não respondeu à questão principal que era o facto do presidente do seu clube estar eufórico com as vitórias nas modalidades ditas amadoras, quando durante décadas as mesmas passavam ao lado quando o seu clube tinha êxitos nas mesmas. No SCP foi sempre usual enaltecer os grandes êxitos dos seus atletas em todas as modalidades.

Sobre o campo de futebol onde jogavam nos anos 50. não sei se é verdade o que diz que pagavam renda à CML, e parece-me estranho que diga que nunca foi nosso e que quando era nosso era qualquer coisa do
fascismo. Em que ficamos ?
A verdade é que o SCP tinha imensos terrenos, incluindo o tal campo, que quando foi destruido jogavam lá as camadas jovens do SCP e mais tarde o Metro de Lisboa comprou parte dos mesmos. O seu clube tinha ZERO metros quadrados, mas isso é outra história.

Para não ter dúvidas, não sou nem nunca fui fascista e na minha família com poucos vermelhos, não sabemos o que é isso.

Fernando Albuquerque



De Lancero a 2 de Julho de 2012 às 15:05
LFV herdou uma situação muito difícil no que diz respeito a modalidades. Estavam praticamente abandonadas e, apesar de vários tiros nos pés, tem o mérito de as ter colocado de novo no topo. Tivesse o mesmo jeito para o futebol profissional...

Mas, daí a escrever-se que o Benfica nunca ligou às modalidades vai um enorme abuso. Só quem não se recorda (ou não quer recordar) das enchentes nos pavilhões 1 e 2 da antiga Luz pode sugerir que as modalidades passavam ao lado dos benfiquistas ou que as suas vitórias não eram celebradas.

O Sporting não era proprietário do Estádio do Campo Grande, o Campo Grande 412, e isso é facilmente verificável. Quando o SCP se mudou para lá arrendou-o a um particular (desalojando e fazendo extinguir o Lisboa FC), e depois os terrenos passaram para a Câmara de Lisboa, que os arrendou novamente ao SCP. Foi entregue ao Benfica já o SCP de lá tinha saído, para o Estádio do Lumiar, ao lado, há 3 anos. O Benfica construiu no local um segundo campo (para as segundas categorias, raguebi, hóquei em campo, andebol de 11...), uma pista de atletismo, um campo de basquetebol e uma carreira de tiro, entre outros melhoramentos (nomeadamente bancadas). Quando o Benfica saiu para a Luz parte do complexo desportivo foi novamente entregue ao Sporting, embora o SLB por lá tenha mantido actividade nos escalões menores até ao final dos anos 90.
Portanto, ficamos que o Estádio do Campo Grande não era vosso quando o Benfica para lá foi. O que não vos impediu, nem poderia, que o baptizassem com o nome que entenderam após o 28 de Maio, e que o SLB ("o clube do regime") fez questão de alterar.

E está enganado. O Benfica era proprietário dos terrenos do Estádio das Amoreiras, de onde saiu obrigado pelo Estado.

E para mim é irrelevante o quadrante político com o qual o sr. ou a sua família se identificam.


De Lancero a 3 de Julho de 2012 às 12:26
Errata: onde se lê "até ao final dos anos 90" deverá ler-se "até ao final dos anos 60".
Mil perdões.


De Rui Gomes a 5 de Julho de 2012 às 16:09
O sr. Fernando Albuquerque equivocou-se e dirgiu a mim um comentário que é relacionado com a/troca de opiniões sobre a construção do estádio e respectivas datas. Aparentemente esta informação foi publicada no Jornal do Sporting esta semana. De qualquer modo, refiro-o ao comentário.


De Anónimo a 5 de Julho de 2012 às 15:12
A sua história sobre o tal estádio que ocuparam junto ao nosso, por coincidência vem esta semana no nosso jornal algumas indicações sobre este assunto. Passo a citar:
" A MUDANÇA DE INSTALAÇÕES---EM 1917, o Sporting mudou de instalações. José Alvalade fizera construir o Stadium de Lisboa (em 1914), mas divergências quanto à sua utilização entre o fundador e a Direcção eleita, em 1916, levaram os responsáveis sportinguistas em exercício a procurar uma solução. Arrendaram um terreno nas vizinhanças no Campo Grande, 412, e aí construíram um Estádio, sob projecto do arquitecto António Couto que foi casa do Sporting durante 30 anos. A vida do recinto, porém. prolongou-se por mais algumas décadas.pois foi utilizado pelo Benfica, com a solidariedade do Sporting, quando se mudou das Amoreiras. Ficou popularmente conhecido pela "estância de madeira " e situava-se no terreno onde assentava a área Sul do Estádio José Alvalade."

Esta versão é diferente da sua e aquilo que eu sei referente aos anos de 1956 a 1962, era que o seu clube jogava vários desportos nessas instalações como diz, mas que as mesmas pertenciam ao SCP .

Fernando Albuquerque


De Fernando Albuquerque a 5 de Julho de 2012 às 15:19
Prezado Rui Gomes

Peço desculpa mas carreguei mal no sítio da resposta. Esta transcrição é para responder ao que o adepto dos vermelhos Lancero, me contestou em relação ao campo que existia ao lado do estádio José Alvalade e que desapareceu devido a vários empreendimentos. No último jornal do SCP vem a indicação que foi o SCP que o construiu a outra versão é diferente.

Cumprimentos Fernando Albuquerque


De Rui Gomes a 5 de Julho de 2012 às 16:17
Obrigado por me alertar. Já encaminhei o seu escrito para o Lancero. Qual é a data do Jornal do Sporting a que se refere o sr. Fernando Albuquerque ? Será a do dia 3 de Julho ?

Cumprimentos.


De Fernando Albuquerque a 5 de Julho de 2012 às 18:04
o Jornal donde fiz a transcrição é desta semana que deve ter saído no dia 3 deste Mês.

Cumprimentos Fernando Albuquerque


De Rui Gomes a 5 de Julho de 2012 às 20:17
Caro Fernando Albuquerque,

Primeiro, obrigado pela informação sobre o jornal. Esse ainda não recebi, possivelmente amanhã. O leiror «Lancero» veio responder ao seu último comentário, contradizendo, em parte, o que o Snhor tinha adiantado. Não estou muito bem informado sobre este tema, por conseguinte, deixo a «conversa» para os dois. Cumprimentos.


De Lancero a 5 de Julho de 2012 às 17:47
Respondo aqui aos dois comentários que me são dirigidos.

Eu escrevi: "Quando o SCP se mudou para lá arrendou-o a um particular (...), e depois os terrenos passaram para a Câmara de Lisboa, que os arrendou novamente ao SCP".

O texto que cita refere: "Arrendaram um terreno nas vizinhanças no Campo Grande, 412, e aí construíram um Estádio".

Fica claro que não há aqui qualquer contradição, já que em lado nenhum eu referi que o SCP não foi o autor da construção do estádio.

Quando à "solidariedade do Sporting", é falso no aspecto que cita - já que o Campo Grande 412 estava abandonado pelo SCP (tinha-se mudado para o Estádio do Lumiar, ao lado) há 3 anos quando o SLB conseguiu arrendar à Câmara o Estádio do Campo Grande, cujos terrenos eram pertença da autarquia, não do SCP.
Posso até dizer-lhe que, em 1971, o Benfica ainda pagava à Câmara de Lisboa 1 300$00 de renda pelos terrenos que ainda utilizava no Campo Grande.
A única ajuda recebida do Sporting foi, precisamente, a possbilidade da equipa de honra do SLB realizar jogos no Estádio do Lumiar no período entre a saída das Amoreiras e a ocupação do Campo Grande. Foram feitos, pelo Benfica, dez (10) jogos no campo do SCP sob cedência deste clube (da mesma foram que foram usados as Salésias- Belenenses - e um outro campo no Lumiar - Unidos FC).
Só um aparte de trivia: O último jogo da equipa de Honra do SLB no Estádio do Campo Grande foi a 18/04/1954, com o Atlético CP.

Saudações.


De Rui Gomes a 5 de Julho de 2012 às 20:20
Já encaminhei o seu comentário para o sr. Fernando Albuquerque. Na realidade, a sua resposta era para ele, uma vez que eu não estou bem informado no contexto versado. Ele faz referência ao recém-jornal do Sporting que aparentemente aborda a temática, mas eu ainda não o recebi. reservarei quaisquer observações minhas para mais tarde, quanfo estiver mais dentro do assunto. Cumprimentos.


De jon a 10 de Agosto de 2012 às 15:10
Muito Bom post.

Realmente, este flagelo agrava em muito a situação do pessoal...

Na esperança de poder ajudar,

deixo alguma informação adicional sobre trabalho temporário... não é solução, mas pode contribuir para um começo diferente... As pessoas não podem é desanimar! Força aí!

Trabalho e Empregos Temporários para os Jovens Encontra tudo sobre o trabalho temporário para jovens. Descobre onde, como e em que contexto esta poderá ser uma solução!
http://www.trabalhoparajovens.blogspot.com/

Força!


De JS a 2 de Novembro de 2012 às 23:07
???


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Leituras recomendadas

Por imperativo de cidadan...

A mesma opinião

Quem faz isto é capaz de ...

Os nossos comentadores me...

Futebol a sério e futebol...

Outra vez Abel?

A cartilha (parte II)

Os nossos comentadores me...

Coragem

Arquivo

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

prognósticos

jorge jesus

vitórias

há um ano

balanço

slb

campeonato

arbitragem

benfica

jogadores

rescaldo

eleições

mundial 2014

taça de portugal

liga europa

godinho lopes

ler os outros

clássicos

golos

árbitros

nós

euro 2016

futebol

comentadores

crise

marco silva

cristiano ronaldo

scp

análise

humor

formação

chavões

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds