12 Mai 12

 
Um excelente registo de Ricardo Sá Pinto nos jogos em que orientou a equipa em Alvalade: 11 vitórias em 11 jogos. E há que realçar que entre estas onze vitórias estão as conseguidas frente a adversários como Manchester City, Benfica, Athletic de Bilbao e Braga. É caso para dizer - "Em Alvalade mandamos nós!"


comentar
3 comentários:
De Gi a 13 de Maio de 2012 às 09:17
Muito interessante ver a evolução dos resultados da equipa esta temporada, desde a série de vitórias inicial ao descalabro em Dezembro, e ao controle em casa em contraste com a fraqueza fora.
Alguém com mais conhecimentos do que eu talvez possa analisar e explicar.


De Rui Gomes a 13 de Maio de 2012 às 15:22
A produção caseira é interessante mas insuficiente, considerando que fora vencemos 6, empatámos 3 e perdemos outros 6, ou seja 21 pontos perdidos com apenas 15 golos marcados e 17 sofridos. Como já comentei noutro post, o Sporting tem uma média de golos marcados 1,57 por jogo, claramente pouco para quem aspira a lutar por títulos. Mesmo admitindo que Sá Pinto usa o sistema de jogo adequado às características dos jogadores que tem, nunca marcaremos muitos golos deste modo. O jogo com o Braga foi uma excepção, porque a realidade futebolística de hoje exige ou um marcador exímio que em duas ou três oportunidades marca dois ou três golos ou, então, um sistema de jogo que produza maior domínio ofensivo que permitirá entre 9 ou 10 oprtunidades por jogo que,logicamente, proporcionarão 3 ou 4 golos, na maioria dos jogos suficiente para vencer.
Temos um ponta de lança, o Ricky, que passa 80 por cento do seu tempo em campo a fazer coberturas defensivas, até no seu próprio meio campo. Quando surgem as manobras ofensivas, não é de espantar que ele não tenha a capacidade e focalização física para concretizar à primeira oportunidade. Chama-se isto a lei das probabilidades. Muito por isto, o Sporting anda sempre «com a corda ao pescoço» mesmo quando controla o adversário. Ontem, com o Braga, e com o
domínio que exercemos, após a duvidosa grande penalidade ficámos à espera de um qualquer lance fortuito que empatasse o jogo. É isto que o Sporting terá que rectificar se quiser disputar títulos.


De Fernando Albuquerque a 13 de Maio de 2012 às 15:13
De facto esta era uma das desgraças que todos os anos nos acontecia, ou seja perder imensos pontos em casa. Espero que de uma vez por todas os jogos efectuados em casa sejam para ganhar, pois só assim poderemos competir com os nossos adversários. Outra lacuna é o SCP fazer bons resultados com os habituais competidores aos primeiros lugares e depois perder pontos com as equipas mais mal classificadas, o que ainda este ano aconteceu várias vezes. Não é possível discutir os primeiros lugares se continuarmos a dar estas abébias , pois o SCP não pode desperdiçar pontos com equipas cujos orçamentos estão a quilómetros do nosso.

Ao analisarmos este campeonato o SCP , para além dos roubos a que fomos sujeitos, que eu presumo tenham sido na ordem dos 11 pontos, perdemos jogos e empatámos com equipas como o Setúbal (pior arbitragem que vi na minha vida), com o Gil Vicente, com o Olhanense, Beira Mar e mais casos que não me recordo e isto para quem quer lutar pelos lugares cimeiros é impensável.

No meio destas anormalidades todas eu pessoalmente acho que a nossa época não foi tão má como para aí apregoam. Espero vencer a Taça de Portugal, por muito respeito que tenha pela Académica. O SCP está em NONO LUGAR, pelo que fez na Europa, enquanto os outros estão muitos lugares depois do nosso. Espero que os nosso dirigentes de futuro não façam asneiras contratando jogadores que não têm lugar na segunda divisão de honra e vendendo outros por preços irrisórios. Se não os podem aguentar ao menos saibam negociar,. pois tirando dois casos de nossos jogadores os restantes ou saem à borla ou as contrapartidas deixam muito a desejar e depois aparecem como estrelas nos nossos adversários.

Saudações leoninas Fernando Albuquerque



Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

No futebol nada é eterno

O perfume de Lídia Faria

Vale tudo

Os postais do Martinho de...

Esperança e fé

Os nossos comentadores me...

Tudo ao molho e FÉ em Deu...

Bom ou mau sinal?

Banho quente...

Qué's ver que a culpa ain...

Facebook
És a Nossa Fé no Facebook
Twitter
És a Nossa Fé no Twitter
Arquivo

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

selecção

leoas

bruno de carvalho

prognósticos

balanço

jorge jesus

slb

há um ano

vitórias

campeonato

benfica

jogadores

eleições

rescaldo

arbitragem

mundial 2014

taça de portugal

nós

golos

ler os outros

liga europa

godinho lopes

futebol

árbitros

clássicos

euro 2016

comentadores

cristiano ronaldo

scp

humor

formação

análise

crise

chavões

liga dos campeões

derrotas

william carvalho

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
142 comentários
138 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds