27 Abr 12

comentar
5 comentários:
De Jose Manuel Barroso a 27 de Abril de 2012 às 01:01
E fez mesmo! Mas a equipa esta de parabens, jogou bem e honrou o emblema. Abr, Pedro


De Pedro Correia a 27 de Abril de 2012 às 01:16
Sem dúvida, Zé Manel. Abraço.


De Rui Gomes a 27 de Abril de 2012 às 01:24
A falta de Ismailov é indiscutível Pedro, especialmente pela diminuida capacidade de Matias Fernandez. Quanto à crónica, cita verdades, mas muito incompleta e com alguns oblíquos quês e porquês. A única coisa que questiono foi a exclusão de Daniel Carriço dos onze. Sá Pinto terá as suas razões, com certeza.


De Pedro Correia a 27 de Abril de 2012 às 19:14
Com Izmailov, meu caro, a história do jogo seria outra. Mas a história não se faz com "ses". Parabéns aos vencedores, honra aos vencidos.


De Rui Gomes a 27 de Abril de 2012 às 21:35
Aliás Pedro, infelizmente para nós, os «ses» derivam do primeiro jogo e foi aí que perdemos a eliminatória. Detesto perder deste modo. Tenho um muito mau perder, não no sentido tradicional, mas pelo facto de eu me identifcar com os «detalhes», com diz Sá Pinto, que separam a vitória da derrota.
Isto dito, há longo que aprendi que este tipo de competição não tem nem nunca terá lógica. Tive equipas minhas que fizeram épocas sem derrotas, uma delas, por coincidência, onde jogava o Marinho «ex-Sporting» e o cunhado, o Tito do Guimarães, entre outros conhecidos, que até perante um FC Porto bicampeão em toda a sua força demos 3-0. Recordo-me perfeitamente que o António Oliveira, nesse dia, até «comia a relva» com raiva de estar a levar um banho de bola. Bem, mas o ponto da questão é que mesmo com equipas desse calibre e com tantos títulos, levou-me 10 anos para vencer a competição máxima do país, que é disputada tipo Champions. São provas com muitas contingências imprevisíveis e raramente as melhores equipas vencem. Neste caso da Liga Europa, há factor muito importante que ainda não foi invocado. O Athletic, pela sua classificação de 9.º ou 10.º na Liga, já há muito que anda a «passear» enquanto o Sporting tem vindo num percurso de luta constante para tentar recuperar tudo o que, de uma forma ou outra, foi desperdiçado na primeira metade da época. Enfim, há que esperar por dias melhores. Ab


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Futebol a sério e futebol...

Outra vez Abel?

A cartilha (parte II)

Os nossos comentadores me...

Coragem

Cada vez mais lido

O ódio criminoso

Os nossos comentadores me...

Youth think red

Minuto de Silêncio em Alv...

Arquivo

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

prognósticos

jorge jesus

vitórias

há um ano

balanço

slb

campeonato

arbitragem

benfica

jogadores

rescaldo

eleições

mundial 2014

taça de portugal

liga europa

godinho lopes

ler os outros

clássicos

golos

árbitros

nós

euro 2016

futebol

comentadores

crise

marco silva

cristiano ronaldo

scp

análise

humor

formação

chavões

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds