Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

És a nossa Fé!

2015 em balanço (2)

C9ZVCA8O.jpg

 

TREINADOR DO ANO: JORGE JESUS

A notícia sobressaltou o País do futebol e teve repercussões muito para lá de actualidade desportiva. A contratação de Jorge Jesus para o Sporting, anunciada na noite de 3 de Junho, pôs os benfiquistas à beira de um ataque de nervos e teve o condão de levar a euforia à esmagadora maioria dos adeptos leoninos.

Compreende-se facilmente a animosidade encarnada contra Jesus, o técnico que acabara de conduzir o Benfica à conquista do bicampeonato. Havia quase um século que o clube liderado por Luís Filipe Vieira não sabia o que era perder um treinador para o Sporting: só acontecera uma vez, no remoto ano de 1930.

Vieira quis livrar-se de Jesus, mandando-o para o Golfo Pérsico. Mas o treinador, que nunca foi pau-mandado de ninguém, rebelou-se contra esse convite a um exílio que jamais desejou. Em final de contrato com o SLB, viu-se livre para dizer sim ao convite que Bruno de Carvalho lhe endereçara.

Apresentado aos adeptos em Alvalade, a 1 de Julho, o técnico de 61 anos disse-lhes o que há muito queriam ouvir: "A partir de hoje não há só dois candidatos - há três!" E reafirmou que o Sporting - onde o pai, Virgolino, jogou na década de 40 - é o seu clube do coração.

Não garantiu troféus, mas prometeu tudo fazer para conquistá-los. Desde então venceu quase 80% dos jogos - o mais saboroso de todos foi logo o primeiro desafio oficial, a 9 de Agosto, com uma vitória contra o Benfica que nos garantiu a posse da  Supertaça - a primeira desde 2008. Seguiram-se dois outros confrontos vitoriosos frente aos encarnados: 3-0 na Luz, à oitava jornada do campeonato, a 25 de Outubro; e a eliminatória da Taça de Portugal, a 21 de Novembro em Alvalade, com triunfo leonino por 2-1.

O Sporting registou o melhor arranque da Liga em mais de um quarto de século, liderou isolado o campeonato durante seis jornadas e chega ao fim de 2015 na segunda posição, a um escasso ponto do FCP, e dependendo de si próprio para retomar a liderança. Com mais oito pontos do que há um ano, quando seguíamos num modesto 5º lugar na tabela classificativa - atrás de SLB, FCP, Braga e Guimarães.

Desta vez ninguém se envergonha de dizer que lutamos pelo título. Todos confiamos que com Jorge Jesus assim será.

 

Treinador do ano em 2012: Domingos Paciência

Treinador do ano em 2013: Leonardo Jardim

Treinador do ano em 2014: Marco Silva

 

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D